Denúncias de maus-tratos contra animais no DF superam casos de 2011

A cadelinha Flor foi vítima de maus-tratos

Nos primeiros 6 meses do ano, polícia registrou 49 casos; em 2011 foram 45

O número de ocorrências de maus-tratos a animais em 2012 já é maior que em todo o ano passado, no Distrito Federal: só nos seis primeiros meses deste ano, a Polícia Civil registrou 49 casos; em todo o ano passado foram 45, informa reportagem do DFTV 1ª edição.

A cadelinha Flor é uma das vítima dos maus-tratos. Há cerca de três semanas, ela foi atropelada e abandonada no Eixão Norte. Quebrou uma pata e a bacia. Foi a relações públicas Aline Marra quem socorreu a vira-lata. Sem dinheiro para o tratamento, pediu ajuda na internet.

Nem todos os bichos, porém, têm a sorte da Flor. No Distrito Federal, os casos de maus-tratos a animais têm sido cada vez mais frequentes.

Recentemente, um gatinho teve os olhos arrancados por uma criança. No ano passado, um vídeo chocou muita gente: uma enfermeira, moradora de Formosa, espancou até a morte um cachorro da raça yorkshire. Ela foi indiciada por maus tratos e constrangimento à filha, que assistiu às cenas. Também teve que pagar multa de R$ 3 mil.

A zoonoses recolhe e recebe animais vítimas de maus-tratos.Poucos conseguem encontrar novas famílias.

Não só a violência física configura maus tratos a animais. Abandonar o bicho também é crime. A pena pra quem maltrata animais pode chegar a três anos de cadeia. Denúncias podem ser feitas pelo 197.

 

Fonte: G1

Compartilhe!


Deixe um comentário

XHTML: Você pode utilizar as seguintes tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>