Envenenamento de gatos continua em Itapetininga (SP)

Os animais apresentam sintomas de envenenamento

Há duas semanas, moradores da Vila Santana denunciaram extermínio

Em pouco mais de quatro meses, dez gatos morreram com sintomas de
envenenamento na Vila Nova, em Itapetininga, interior do estado de São Paulo.

O morador Munir José conta que dois gatos da família morreram recentemente. Ele acredita que os animais tenham sido envenenados dentro do próprio quintal, já que eles não saiam para a rua.

Os animais agonizaram por horas, mas, apesar dos socorros prestados, não resistiram.

As mortes têm causado indignação entre os moradores. Eles já registraram boletins de ocorrência e esperam a identificação da pessoa que está cometendo o crime contra os animais.

Essa não é a primeira vez que casos de envenenamento, principalmente de gatos, ocorrem na cidade. No dia 16 de janeiro, o G1 e a TV Tem mostraram mortes registradas na Vila Santana, também em Itapetininga. Moradores da Vila Santana, denunciaram o extermínio de cães e gatos. Os moradores não sabem dizer quantos animais foram mortos, mas afirmam que vários foram encontrados sem vida.

De acordo com a representante da ONG União Internacional Protetora dos Animais (UIPA), de Itapetininga, Salete Oliveira, casos de envenenamento de animais ocorrem com freqüência.

Salete ressalta que a violência contra animais é crime. A pena pode chegar a um ano de prisão, além de multa. Ela recomenda aos moradores das áreas onde ocorreram esses crimes, que registrem boletim de ocorrência.

Em entrevista ao Tem Notícias, o veterinário Fernando Vieira explica que os sintomas apresentados pelos animais envenenados são convulsões, sangramentos, vômito e salivação excessiva (baba).

Ele orienta que para prevenir que os animais saiam da residência, é preciso fazer a castração e também confeccionar um gatil, protegendo o quintal com telas.

 

Fonte: G1

Compartilhe!


Deixe um comentário

XHTML: Você pode utilizar as seguintes tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>