Vira-lata do tráfico é resgatado por PMs e se torna cão policial na zona oeste do Rio

Thyrso participa de operações junto a policiais

Thyrso participa de operações do 27º BPM e ajuda farejando drogas e traficantes

Ele já integrou o poder paralelo e

O cachorro tem o nome do seu antigo tutor. Suspeito de chefiar as bocas de fumo em Antares, Jaime de Souza Pires, o Thyrso, é o principal alvo das investidas do Batalhão de Santa Cruz (27º BPM) na favela. Nesta terça-feira (10), o cão policial participou de mais uma ação ao lado de PMs e agentes da Polícia Federal, que prenderam um suspeito de tráfico internacional de drogas e armas na comunidade de Santa Cruz.

Há cerca de seis anos, o bicho foi encontrado por uma equipe do batalhão à beira da morte perto de uma boca de fumo. Abandonado pelo bandido, foi acolhido pelos policiais. Ganhou uma nova casa. E uma missão.

Segundo o chefe de operações do 27º BPM, major Braga Alves, Thyrso acompanha os policiais nas operações, usando seu faro para encontrar criminosos e drogas, e também ajuda na segurança das equipes que fazem plantão no PPC (Posto de Policiamento Comunitário) de Antares.

Os policiais preferiram não mudar seu nome, já que outros foram testados mas ele teimava em não atender. Ficou Thyrso mesmo. Mas com uma personalidade bem diferente da do seu xará bandido.

Alimentado e recuperado dos maus-tratos da quadrilha, o cão passou a morar no PPC e ganhou a companhia dos vira-latas Almeida e Mel, uma fêmea. Os três viraram cães de guarda e de patrulha do 27º BPM. Major Braga explica que nenhum foi adestrado por policiais do Canil da PM. Mas nem precisava. Mesmo sem treinamento especializado, demonstram experiência, sangue frio e destreza nas missões.

Alguns policiais, que enchem os cães de carinho, dizem que Thyrso também costuma afugentar cachorros que pertencem à quadrilha ou que simplesmente vagam pelas bocas de fumo.

Um sargento que ajudar a cuidar dos

Conexão Pet parabeniza a atitude dos policiais, ao mesmo tempo em que lamenta os riscos a que estes animais estão expostos.

 

 

Fonte: R7

Compartilhe!


Deixe um comentário

XHTML: Você pode utilizar as seguintes tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>